Projeto Sensible Car

Sensible Car
O Governo da República Portuguesa, a Bosch Car Multimédia e a Universidade do Minho assinaram no passado dia 25 de março o contrato de investimento associado ao Projeto Sensible Car: Automated Driving. A Bosch e a Universidade renovam assim a aposta na inovação com o Sensible Car, o maior projeto de Potencial Interesse Nacional (Projeto PIN) até à data, com um investimento total de €34.913.774,85.

Trata-se de um projeto de extrema importância para a dinamização da economia nacional, prevendo-se a criação até 2022 de 130 novos postos de trabalho, 60 novos colaboradores para a Bosch e 70 investigadores para a UMinho.

O contrato de investimento é composto por um conjunto articulado de quatro sub-projetos com o objetivo de desenvolver sensores inteligentes críticos como resposta às capacidades exigidas ao automóvel no contexto da condução autónoma: perceção integral da envolvente, localização precisa e atualizada em tempo real e atuação sem falhas. As inovações do projeto ultrapassam claramente as meras inovações ao nível de produtos, processos e serviços. Tratam-se de inovações mundiais na área dos sensores inteligentes para a automatização da condução, que estarão na base de soluções inovadoras a nível mundial para o futuro da mobilidade automóvel. O desenvolvimento de um sistema LIDAR da próxima geração, e de novos sensores para sistemas de direção, condição de piso e localização e posicionamento de veículos, irão contribuir para avanços na direção da condução autónoma.

Jorge Cabral, Diretor-adjunto do Centro ALGORITMI e Professor Auxiliar no Departamento de Eletrónica Industrial da Escola de Engenharia da Universidade do Minho é o investigador responsável por este projeto.

Share this on: