Investigadores do Centro ALGORITMI mentores do primeiro estudo mundial que avalia a qualidade de 110 países

WSQO World State of Quality (WSQ), o primeiro estudo mundial, anunciado recentemente, avaliou a qualidade de 110 países em várias áreas como a educação, o desemprego, a inovação, a mortalidade infantil, a felicidade, a pegada ecológica e a esperança média de vida. Neste estudo, Portugal ocupa a 24.ª posição da lista geral e a Suíça lidera o ranking, precedida de vários países do norte da Europa.

Este estudo, enquadra-se no âmbito da tese de doutoramento de Catarina Cubo, aluna do programa doutoral em Engenharia Industrial e de Sistemas e investigadora no laboratório SLOTS, do Grupo IEM do Centro ALGORITMI. O estudo surgiu no seguimento de um projeto-piloto elaborado em 2016 junto dos 28 países da União Europeia, coordenado por Paulo Sampaio, professor do Departamento de Produção e Sistemas da Escola de Engenharia da Universidade do Minho e investigador do Centro ALGORITMI, em parceria com Pedro Saraiva da Universidade de Coimbra e ainda a participação de João d’Orey, do Observatório Nacional dos Recursos Humanos e Marco Reis, da Universidade de Coimbra. 

Mais detalhe em http://wsq.dps.uminho.pt/

Share this on: